segunda-feira, 18 de novembro de 2019

Mestre-Cervejeiro.com comemora 15 anos e planeja chegar a 150 lojas até 2022


Em 2019, rede de cervejas artesanais abriu 17 novas lojas e faturou mais de R$ 17 milhões. 

O segmento de cervejas artesanais vem conquistando cada vez mais adeptos. Prova disso é a expansão da Mestre-Cervejeiro.com, maior rede de lojas de cervejas artesanais do país. Atualmente, a rede tem mais de 60 unidades espalhadas em diferentes regiões do Brasil, do norte ao sul. Em 2019, foram inauguradas 17 lojas e, até o final deste ano, a expectativa de faturamento é de ultrapassar R$ 22 milhões.
Além da expansão das lojas, a Mestre-Cervejeiro.com também apostou na estratégia de envasar alguns rótulos próprios em latas de 350 ml. E já sente os resultados. Nos últimos meses, o faturamento cresceu uma média de 40% nas vendas de cervejas próprias em latas dentro de sua rede de lojas, envasadas pela parceira da marca, a premiada cervejaria Tupiniquim. Os rótulos próprios envasados em lata são Amarillo Weisse, Hallertau Mosaic Pilsner, Double IPA Cascade, Summer Ale, Classic Witbier, Tropical Pale Ale e Modern IPA. Em 2019 a marca também lançou a Double Brown Ale Café - edição limitada lançada em comemoração aos seus 15 anos, produzida pela cervejaria Lohn Bier em parceria com Pete Slosberg, esta vendida em garrafas de 500ml.
A rede, que começou suas atividades no mercado cervejeiro em 2004, é uma das responsáveis por impulsionar o crescimento do setor. Segundo Daniel Wollf, fundador e CEO da marca, o objetivo da rede é continuar crescendo e chegar em 2022 com 150 lojas. “Sempre viemos num ritmo crescente de expansão e a ideia é crescer com qualidade nos pontos de venda, entregando melhor suporte ao franqueado e, consequentemente, um melhor serviço ao cliente”, explica.
Wolff também afirma que o objetivo da Mestre-Cervejeiro.com é continuar conquistando novas pessoas para a cultura cervejeira. “Nosso plano sempre foi o de levar as cervejas artesanais para todos, com informação e atendimento de maneira simples e descomplicada”, garante. O crescimento da rede também está relacionado à melhora do serviço, comenta Daniel. “Temos implementando novas tecnologias, principalmente na comunicação entre franqueadora e franqueado e também ao aumento na equipe de atendimento para um melhor suporte ao franqueado”. 
Segundo Daniel, além das cervejas que já são comercializadas, o objetivo é manter o padrão de qualidade, expandindo a rede com parceiros engajados na missão de levar a cultura da cerveja para todos. “O estilo de vida da cerveja artesanal para nós é muito importante, o estilo Mestre-Cervejeiro.com”, afirma.

Mercado em expansão
Mestre-Cervejeiro.com faz parte de um mercado cada vez mais aquecido. Prova dessa ascensão é que de 2009 para 2019 o aumento de fábricas de cervejas artesanais foi de 292,1%, segundo a Associação Brasileira de Cerveja Artesanal (Abracerva). Até o mês de junho de 2019 foram autorizadas 111 novas fábricas, uma média de 22 por mês.
Se em 2009 o consumidor só encontrava marcas populares de cervejas nos mercados, atualmente a realidade é outra, sendo possível encontrar facilmente diversos rótulos de cervejas artesanais, produzidos por micro, pequenas e grandes empresas. “O mercado de cerveja artesanal vem crescendo no mundo. Por muito tempo, o mercado das cervejas foi dominado pelas grandes marcas, que a cada ano tiraram cada vez mais o gosto de seus produtos. Agora, o cliente quer novas experiências gastronômicas, sentir novos sabores, novos estilos e fazer novas harmonizações”, explica Daniel Wolff, da Mestre-Cervejeiro.com.
O Brasil ocupa hoje o terceiro lugar como maior produtor de cerveja artesanal do mundo, atrás apenas dos Estados Unidos e da China. Prova dessa expansão cervejeira são os dados do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), que registrou recentemente a milésima cervejaria artesanal do Brasil.

Preferência nacional
Em 2018, o Brasil apresentou um crescimento de 23% no número de cervejarias artesanais pelo Brasil. Este aumento confirma que a bebida continua sendo a preferência nacional. Só na região sul do Brasil, contando os três estados, são mais de 369 cervejarias, segundo informações do Anuário da Cerveja no Brasil 2018 do MAPA, onde são apresentados dados sobre o crescimento e inovação do setor.
O estado do Rio Grande do Sul continua nas primeiras posições, totalizando 179 cervejarias artesanais. Na mesma linha, em seguida vem os estados de São Paulo, com 144, Minas Gerais com 112, Santa Catarina com 102, Paraná com 88, Rio de Janeiro com 56, entre outros. Depois do Sul, as regiões que mais têm cervejarias são o Sudeste com 328, o Nordeste com 61, o Centro-Oeste com 51 e o Norte com 26.

Compartilhar

Postagens Relacionadas

Mestre-Cervejeiro.com comemora 15 anos e planeja chegar a 150 lojas até 2022
4/ 5
Oleh

Assine via e-mail

Adicionar o seu endereço de e-mail para subscrever .

Página inicial