terça-feira, 5 de novembro de 2019

3ª edição da Mostra de Cinema e Educação agita Uberlândia na próxima semana

Evento acontece entre os dias 11 e 13 de novembro no Museu Universitário de Arte (MUnA) da UFU.
Estimular a produção cinematográfica entre os jovens e ainda refletir sobre o atual cenário da educação. São com esses objetivos que o Projeto Trakinagem promove, entre os dias 11 e 13 de novembro, a 3ª edição da Mostra de Cinema e Educação. O evento, que é gratuito e com censura livre, será realizado no Museu Universitário de Arte (MUnA) da UFU em Uberlândia.
A Mostra contará com a exibição de dezenas de filmes produzidos em todos os cantos do país. Para escolher as produções, o Projeto Trakinagem abriu um edital de seleção em duas categorias: Uma destinada a pessoas que se autodefinem como cineastas, que produziram filmes que abordem a temática da educação, e a outra para alunos e professores, que tenham produzido curtas-metragens em contextos escolares e com temática livre.
“Neste ano, nós tivemos 145 filmes inscritos e uma comissão avaliadora foi a responsável por escolher as produções que serão exibidas na Mostra. Serão apresentados 16 filmes elaborados por cineastas e 31 produções feitas por professores e alunos”, destacou Cristiano Barbosa, cineasta e idealizador do Trakinagem. Após as exibições, haverá também um bate-papo para enriquecer ainda mais a reflexão.
Com o intuito de estimular a produção entre professores e alunos da educação básica, no mês de agosto o projeto visitou 18 escolas públicas, onde ministrou uma oficina sobre as técnicas do cinema para mais de 400 estudantes. “Nosso objetivo com esse trabalho foi estimulá-los a produzirem seus próprios conteúdos, explorando a realidade que vivem dentro e fora da escola”, conta o cineasta.

Sobre o projeto 
Trakinagem – Mostra de Cinema e Educação, nasceu em 2017 como um projeto de exibição de filmes independentes produzidos dentro do ambiente escolar. “Queremos estimular trakinagens com a luz, som, enquadramentos e outros componentes da imagem por meio da produção de vídeos de curta duração, descobrindo as infinitas possibilidades dos recursos audiovisuais”, destacou Cristiano.
Em 2018, a Mostra reuniu mais de 200 espectadores, exibiu mais de 60 produções independentes e 40 curtas-metragens elaborados por professores e alunos dos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Pernambuco. A Mostra também prestigiou as produções de cineastas e exibiu 20 filmes de diversos cantos do país, inclusive um de Moçambique.
 A iniciativa é viabilizada pelo Programa Municipal de Incentivo à Cultura (PMIC) da Prefeitura de Uberlândia, conta com o apoio do Museu Universitário de Arte (MUnA) da Universidade Federal de Uberlândia (UFU) e com o patrocínio do Sistema Martins.
Confira a programação completa
Segunda-feira (11 de novembro)
19h Abertura do evento
- "Sessão Trakinagem”: Exibição dos filmes produzidos nas oficinas de cinema em 18 escolas públicas de Uberlândia.
- “Ô, de casa!” - Documentário (2007), RJ. Direção: Clarisse Alvarenga
Sinopse: A diretora visita cinco casinhas ou cabacinhas, todas construídas espontaneamente e de forma improvisada por crianças e adolescentes em espaços ociosos em Minas Gerais.
- Bate-papo com Clarisse Alvarenga, cineasta e professora da Faculdade de Educação da UFMG.

Terça-feira (12 de novembro)
14h - Sessão 2
- Exibição de curtas-metragens produzidos por alunos da educação básica de diversos estados brasileiros
Curtas-metragens realizados por cineastas:
- Louise – Animação (2017), DF. Direção: Amanda Gomes, Andressa Fernandes e Nathanael Cruz
- A concha - Ficção (2019), RJ. Realização Coletiva
- A galinha ruiva – Animação (2019), ES. Direção: Irson Jr
*Bate-papo com Eliane Regina Pereira, professora do curso de Psicologia da UFU

19h - Sessão 3
- Juras – Ficção (2018), MG. Coletivo Offcine (MG)
- A Câmera de João – Ficção (2017), GO. Direção: Tothi Cardoso
- Imaginários Urbanos - Documentário (2017), AL. Direção: Glauber Xavier
- A Menina Espantalho - Ficção (2008), MG. Direção: Cássio Pereira dos Santos (MG)
*Bate-papo com o cineasta Cássio Pereira dos Santos

Quarta-feira (13 de novembro)
14h - Sessão 4
- Exibição de curtas-metragens produzidos por alunos da educação básica de diversos estados brasileiros
Curtas-metragens realizados por cineastas:
- Escola Alegria de Saber – Documentário (2019), TO. Direção: Edu Fortes
- F7 20 anos – Documentário (2018), MG. Direção: Marcelo Branco (MG)
*Bate-papo com Marcelo Branco, cineasta de animação de Uberlândia (Studio F7)

19h - Sessão 5
- Interrogação (ou psicopata legalizado) – Animação (2019), SP. Direção: Moisés Pantolfi
- Nossa Terra – Documentário (2018), SC. Direção: Samuel Moreira
- Em Cima do Muro – Ficção (2019), BA. Direção: Hilda Lopes Pontes (BA)
- Hoje Eu Sou Feliz – Documentário (2019), PE. Direção: João Luis e Tiago Aguiar
- Nove Águas – Ficção (2019), MG. Direção: Gabriel Martins e Quilombo dos Marques
*Bate-papo com Roberto Camargos, historiador videomaker de Uberlândia.

Compartilhar

Postagens Relacionadas

3ª edição da Mostra de Cinema e Educação agita Uberlândia na próxima semana
4/ 5
Oleh

Assine via e-mail

Adicionar o seu endereço de e-mail para subscrever .

Página inicial