terça-feira, 29 de outubro de 2019

Usina Hidrelétrica Amador Aguiar II realizou simulado de evacuação


Treinamento contou com aeronave do Corpo de Bombeiros para verificar mapeamento da área.

O assessor parlamentar, Aldair José da Silva, deixou sua casa, pontualmente às 15h, do sábado, 26. Ele participou do treinamento de evacuação realizado pela Usina Hidrelétrica Amador Aguiar II, conhecida como Capim Branco II. É muito importante essa divulgação e conscientização para os ribeirinhos. Estamos em uma área de risco. Por isso, é fundamental a realização desse simulado para conscientizar e nos deixar em alerta. Hoje estamos tranquilos, amanhã pode acontecer algum incidente e precisamos estar aptos para deixar o local com segurança”, ressalta Aldair. 
Juntamente com Aldair, mais 54 moradores das margens do Rio Araguari também deixaram suas casas para participar do treinamento organizado pelas Defesas Civis de Uberlândia e Araguari, Corpo de Bombeiros, Polícia Militar, Prefeituras Municipais e a equipe do Consórcio. “Foi um excelente exercício de simulado. Assim como em Capim Branco I, aqui em Capim Branco II as forças de segurança atuaram muito bem, cada um na sua competência e cumprindo suas funções e também uma ótima oportunidade para testar a capacidade de atendimento e resposta da população”, destaca Mauro Rodrigues, diretor da Defesa Civil de Araguari.
Para o capitão dos Bombeiros e da aeronave que reforçou o treinamento, José Vital Duarte Junior, em simulados como esse o helicóptero é usado para que possam avaliar melhor os locais e fazer o reconhecimento das áreas mapeadas. 

Balanço 
No Complexo Energético Amador Aguiar foram realizadas duas ações. No dia 19 foi realizado o primeiro simulado de evacuação na usina Amador Aguiar I, com a participação de 34% da população cadastrada (cerca de 170 pessoas). Já no dia 26, foi a vez da usina hidrelétrica Amador Aguiar II, que obteve 20% de adesão dos cadastrados (270 pessoas).

Ação preventiva
Os simulados atenderam a Política Nacional de Segurança de Barragens e a Política Nacional de Proteção e Defesa Civil, além de integrar o Plano de Ação de Emergência (PAE) dos dois municípios. “Atendendo as exigências legais regulamentada para o setor elétrico pela ANEEL – Agência Nacional de Energia Elétrica, realizamos exercícios simulados com muita seriedade. Sabemos que as nossas barragens são bem seguras, sólidas e bem construídas, sendo assim, classificadas de baixo risco. Porém, é importante deixar a população tranquila, podendo tirar suas dúvidas e demonstrando a segurança e o baixo risco do empreendimento”, salienta o gerente geral do Consórcio, Mário Lúcio Ribeiro Mendes.

Compartilhar

Postagens Relacionadas

Usina Hidrelétrica Amador Aguiar II realizou simulado de evacuação
4/ 5
Oleh

Assine via e-mail

Adicionar o seu endereço de e-mail para subscrever .

Página inicial