quarta-feira, 23 de outubro de 2019

Plataforma de emprego para pessoas com deficiência vence Startup Weekend Uberlândia Diversidade & Inclusão


Maratona de empreendedorismo contou com 60 participantes no último fim de semana, que apresentaram 25 ideias e desenvolveram 9 projetos
O projeto de uma plataforma que conecta pessoas com deficiência (PCD) a vagas de emprego voltadas especificamente a esse público foi o grande vencedor do Startup Weekend Uberlândia Diversidade & Inclusão. Batizado Work In, o sistema propõe entrevistas às cegas com os candidatos, de modo que a seleção foque especificamente nas potencialidades de cada indivíduo. A edição temática do Startup Weekend, realizada entre 18 e 20 de outubro, contou com 60 participantes que, ao longo do fim de semana, apresentaram 25 ideias de negócios voltados a minorias sociais. Ao todo, 9 projetos foram desenvolvidos e apresentados a uma banca de jurados que elegeram as melhores.
“Foi um fim de semana especial, em que voltamos nossas atenções para iniciativas que promovessem a diversidade e a inclusão de todo tipo de público. Os participantes demonstraram sensibilidade ao tema, muita criatividade e um incrível senso para os negócios. Com certeza temos agora  um ecossistema de inovação em Uberlândia ainda mais diverso e produtivo”, diz Larissa Sarmento Macedo, uma das organizadoras. O evento ocorreu no Brain - Centro de Inovação em Negócios Digitais, mantido pela Algar Telecom.
A imersão seguiu a dinâmica tradicional do Startup Weekend, evento global criado em 2007 e realizado quase 3.000 vezes em cerca de 150 países, com aquele toque do olhar para o próximo . Entre sexta-feira e domingo, um período de 54 horas, os participantes tiveram o apoio de mentores para aprender como desenvolver uma ideia, construir e validar um modelo de negócio, além de criar um protótipo. Ao fim do prazo, os projetos foram submetidos à banca, formada essencialmente por empreendedores e outros profissionais com perfil inovador. Uberlândia já havia recebido 5 edições do evento anteriormente, mas esta foi a primeira temática.
Além da Work In, também foram reconhecidos os os projetos Mercado Negro (marketplace para afroempreendedores) e Academia da Diversidade (plataforma educacional com formações ministradas por PCDs). O projeto Goodnet (plataforma que conecta ONGs a voluntários e empresas interessadas em fazer doações) recebeu menção honrosa. Entre os prêmios recebidos pelos três primeiros colocados estão acesso gratuito ao coworking do centro de inovação MTI por um ano, workshops, mentorias e consultorias voltados para startups, ingressos para o Hot Park, livros e brindes.
O evento contou com o patrocínio de Algar Telecom, Algar Tech, Bowe, Brain, Café Canastra, CIAEM/UFU, Dialetto, Grupo Aviva, Instituto Algar, FCJ Venture Builder, Junco, Landix, Monte Etna, NDM Advogados, Sebrae, Social Bank, Societá, Uberlândia Refrescos, Uniube, Unimed  e Zup, além do apoio institucional de Enactus, Founder Institute, Impulso Coletivo, Inovativa, Mentory, Movimento Ateliê, Projeto Minas Mulher, Rede Mulher Empreendedora, Reri Valley, Sankhya e Uberhub Mulher.

Vencedores do Startup Weekend Uberlândia Diversidade & Inclusão

1º colocado
Work In, plataforma que conecta pessoas com deficiência (PCD) a vagas de emprego

2º colocado
Mercado Negro, marketplace para afroempreendedores

3º colocado
Academia da Diversidade, plataforma educacional com formações ministradas por PCDs

Menção honrosa
Goodnet, plataforma que conecta ONGs a voluntários e empresas interessadas em fazer doações

Compartilhar

Postagens Relacionadas

Plataforma de emprego para pessoas com deficiência vence Startup Weekend Uberlândia Diversidade & Inclusão
4/ 5
Oleh

Assine via e-mail

Adicionar o seu endereço de e-mail para subscrever .

Página inicial