ONGs de Minas Gerais são selecionadas no edital “Ideias para um Mundo Melhor” da Coca-Cola FEMSA Brasil


Instituto Casa de Davi e Arca Amaserra serão beneficiados com aporte para a realização dos projetos “Construindo Cidadania” e “Sistemas agroflorestais em rede em Brumadinho”
      As ONGs Instituto Casa de Davi e Arca Amaserra, sediadas em Brumadinho, foram as vencedoras, em Minas Gerais, da edição 2019 do edital “Ideias para um Mundo Melhor” da Coca-Cola FEMSA Brasil, que tem como objetivo incentivar projetos sociais de instituições sem fins lucrativos atuantes em regiões onde a companhia está presente. Os projetos escolhidos devem ser desenvolvidos em um prazo de 12 meses e serão acompanhados de perto pela Coca-Cola FEMSA Brasil.
Com o projeto “Construindo Cidadania”, o Instituto Casa de Davi vai oferecer atividades no segmento esportivo, principalmente como ferramenta na formação de valores humanos para cidadania. O projeto, que será realizado no espaço do Brumadinho Futebol Clube, vai atender 100 meninos e meninas, de 12 a 17 anos, regularmente matriculados em instituições de ensino. “O patrocínio da Coca-Cola FEMSA Brasil significa a abertura de novas possibilidades para os pré-adolescentes e adolescentes. São gestos dessa magnitude que darão condições a esta geração de ter acesso ao esporte de alto rendimento e ao lazer, com desenvolvimento integral do indivíduo e a sua formação para o exercício da cidadania, motivando-os a uma vida saudável e o caminho do bem”, afirma a coordenadora  do projeto, Fátima Aparecida da Cunha.
Já o projeto  “Sistemas agroflorestais em rede em Brumadinho”, da Arca Amaserra, pretende difundir e ampliar a utilização da nova tecnologia de agricultura regenerativa na região, por meio dos sistemas agroflorestais, fortalecendo a sustentabilidade socioeconômica e ambiental da agricultura familiar. De acordo com o coordenador financeiro do projeto,  Heitor Dellasta, o apoio da Coca-Cola FEMSA Brasil vai viabilizar a realização de cursos de capacitação práticos e teóricos em sistemas agroflorestais e beneficiamento de produtos, de forma a influenciar e apoiar pessoas dispostas a aderir a esse tipo produção. “Trata-se da construção de alternativas para uma vida digna no campo", analisa.
Neste ano, o edital “Ideias para um Mundo Melhor” recebeu um aporte total de até R$ 350 mil, sendo até R$ 50 mil para cada uma das sete cidades contempladas: Marília, Sumaré, Jundiaí (todas em SP), Itabirito (MG), Porto Alegre (RS), Curitiba e Maringá (PR), tendo esse valor rateado entre as ONGs que se situam na mesma localidade. “Tivemos excelentes projetos inscritos neste ano e a escolha de 11 deles no país não foi uma tarefa fácil. Temos orgulho dos escolhidos e total certeza de que farão trabalhos importantes para as comunidades locais, compartilhando o nosso DNA sustentável com ainda mais pessoas”, afirma Wanessa Scabora, gerente de Comunicação Externa e Sustentabilidade da Coca-Cola FEMSA Brasil.
Entre os critérios estabelecidos para a escolha das ONGs vencedoras, um dos mais importantes foi o alinhamento aos pilares de Sustentabilidade da companhia, por meio dos temas: meio ambiente, desenvolvimento comunitário e estilo de vida saudávelA lista de todos os vencedores está disponível no  www.ideiasparaummundomelhor.com.br.

Comentários