quinta-feira, 1 de agosto de 2019

Na Algar Telecom, metodologias ágeis são aplicadas desde o programa de estágio

Depois de se capacitarem e conquistarem certificações, colaboradores são introduzidos nos squads que visam apoiar a digitalização da empresa e promover a inovação
O contato dos colaboradores da Algar Telecom – empresa de telecomunicações do grupo Algar – com as metodologias ágeis começa desde o programa de estágio. O plano de formação de cerca de 20 estudantes do ensino médio ou universitários da área de Tecnologia da empresa incluem introdução ao Scrum – método ágil usado na companhia – e desenvolvimento de projetos por meio de squads – grupos multidisciplinares de trabalho. A iniciativa visa acelerar a digitalização da companhia e promover a inovação entre a nova geração de talentos.
Depois de passarem por um período capacitação básica que possa ser aplicada em qualquer uma das supervisões e núcleos da área de Tecnologia, o jovem é direcionado para um dos ramos de formação, de acordo com seu perfil e capacidade. A fase introdutória possui módulos de engenharia, computação e inovação (incluindo o Scrum). Já na etapa específica, os estagiários se dividem entre os squads: acesso móvel e banda larga, tecnologia da informação e comunicação (TIC), design, transporte, core de rede e capacidade.
Os squads são formados pelo time de desenvolvedores (estagiários e intercambistas), especialistas da própria companhia, clientes e parceiros. Segundo Ana Paula Rodrigues, diretora de Gente e Relacionamento com o Cliente, todos ganham com essa dinâmica. “Os estagiários têm acesso a um aprendizado direcionado e consistente e certificações de alto nível. Os outros associados – como são chamados os colaboradores da empresa – têm a possiblidade de atuar em projetos inovadores como especialistas e até a possibilidade de publicação de artigos científicos”, avalia.
Outro ganho apontado pela executiva é em relação à companhia de forma geral. Além de maior interação com a academia e criação de novas soluções alinhadas ao planejamento estratégico, o programa é importante para fortalecer a cultura de inovação na empresa. “Temos como meta nos tornar cada vez mais digitais e com um design organizacional mais inovador. Essa iniciativa fortalece nossa estratégia de transformar nossos modelos de trabalho”, afirma.

Recrutamento diferenciado e intercambistas
Os candidatos para o programa de estágio na área de Tecnologia da Algar Telecom são recrutados de forma não tradicional e com a participação direta das universidades. São promovidas maratonas de programação para a descoberta de talentos com alto raciocínio lógico-matemático e hackathons para identificar perfis de empreendedores e desenvolvedores.
Há, ainda, a participação em projetos de cursos universitários e indicação de professores para perfis específicos, além de avaliação da experiência dos talentos em plataformas como LinkedIn e GitHub.
Para complementar, o plano de formação conta com intercambistas, cuja bagagem permite colaborar nos projetos, especialmente com conhecimentos em machine learning, inteligência artificial e redes de computadores. Atualmente, fazem parte do programa dois jovens da Tunísia, que foram contratados por meio da Association Internationale des Etudiants en Sciences Economiques et Commerciales (Aiesec). “A diversidade é sempre muito positiva, especialmente no desenvolvimento de projetos inovadores. É uma troca de conhecimento que só nos enriquece como pessoas e empresa”, conclui Rodrigues.

Compartilhar

Postagens Relacionadas

Na Algar Telecom, metodologias ágeis são aplicadas desde o programa de estágio
4/ 5
Oleh

Assine via e-mail

Adicionar o seu endereço de e-mail para subscrever .

Página inicial