quarta-feira, 13 de fevereiro de 2019

Mutirão de castração da SOSPET acontece neste domingo (17)


Acontece no domingo, 17 de fevereiro, o 23º mutirão para castração de animais de rua da SOS Pet, de Uberlândia. Desde o início do projeto, com apadrinhamentos e parcerias, já foram castrados 1.231 animais. Nesta edição, com o apoio do Hospital Veterinário da UNIPAC, a previsão é castrar 60 cães e gatos, menos que a capacidade máxima de esterilizações de até 100 animais, por falta de recursos físicos: “Conquistamos muitos adeptos a esta causa, apoiadores, voluntários e padrinhos para as castrações, mas a demanda é maior que os recursos. Faltam materiais cirúrgicos e capacidade financeira para arcar com todas as despesas, por isso limitamos o número de castrações conforme o recurso arrecadado”, explica Henrique Silva, presidente da SOSPet.
            Para diminuir esta dificuldade e aumentar o número de castrações por mutirão, a ONG está em busca de empresas para apadrinhamento da causa, que se disponibilize a doar os materiais cirúrgicos necessários ou os recursos para esta aquisição. Os contatos com a SOSPet são o e-mail: sospetuberlandia@gmail.com e os Whatsapps: (34) 98804-2159 ou 99919-7368.

 Apadrinhe a castração de um animal de rua
 Enquanto uma empresa tem a capacidade financeira para custear materiais cirúrgicos para várias esterilizações, as pessoas também podem fazer a diferença na melhoria de vida dos animaizinhos de rua de seu bairro ou comunidade. O apadrinhamento é a forma mais efetiva para esta concretização.
            Para apadrinhar uma fêmea, o padrinho ou madrinha contribui com R$100 (cem reais) ou um animal macho com R$50 (cinquenta reais). Mas, a pessoa pode contribuir com qualquer valor, menor ou maior.
A doação para as castrações podem ser depositadas na conta do Instituto SOSPet: Banco Bradesco, Agência 3906, Conta: 0037817-8, CNPJ 30,377,975/0001-02

Como funciona o mutirão de castração
            A parceria do Hospital Veterinário da Unipac nos mutirões garante o centro cirúrgico e as salas clínicas com capacidade para 100 castrações no dia, distribuídas em 12 mesas cirúrgicas simultâneas, sem nenhum custo de locação. Alunos e professores, veterinários, também são voluntários na ação.
            Mas, os recursos materiais para as cirurgias são de responsabilidade da SOSPet. Por isso, as castrações não são gratuitas. Os apadrinhamentos, as doações e as contribuições dos responsáveis pelos animais, muito inferior ao preço real de uma esterilização animal, se somam para cobrir os custos de medicamentos, materiais e instrumentos cirúrgicos, necessários ao procedimento.
            A seleção e triagem para cada mutirão é antecipada e prioriza animais de resgate, adotados e sem raça definida (SRD), cuidados por protetores independentes e proprietários sem condição financeira para fazer a cirurgia em clínicas particulares. Os interessados em cadastrar animais de rua, de sua vizinhança, podem efetivar o cadastro para os próximos mutirões pelo e-mail ou Whatsapp da instituição.

Compartilhar

Postagens Relacionadas

Mutirão de castração da SOSPET acontece neste domingo (17)
4/ 5
Oleh

Assine via e-mail

Adicionar o seu endereço de e-mail para subscrever .

Página inicial