segunda-feira, 17 de dezembro de 2018

Engie completa 1 ano de concessão das Usinas de Jaguara e Miranda


A Engie, maior geradora privada de energia do Brasil, completou, em novembro, um ano da concessão das usinas hidrelétricas Miranda e Jaguara. Apesar do curto tempo como responsável por gerir e operar as usinas, a empresa já coleciona trabalhos e ações socioambientais nas regiões vizinhas aos empreendimentos.
Entre os projetos já iniciados nesses 12 meses, está a aproximação com as comunidades por meio de campanhas solidárias, como o apadrinhamento de crianças do orfanato de Sacramento e doações para creches.
Outro aspecto social relevante da Companhia está na geração de empregos. A montagem das equipes de cada Usina demandou a contratação de 27 novos colaboradores, sendo a maioria proveniente da região do entorno das duas usinas. Também foram mantidos os contratos com as empresas que já prestavam serviços para a Cemig.
Segundo o gerente da Regional Minas Gerais, Rogério Suematsu, o primeiro ano de atuação nas regiões foi de muitos desafios. “Já nos aproximamos das comunidades que nos receberam de maneira muito cordial. Com as primeiras ações sociais, as pessoas já percebem a nossa seriedade, transparência e competência para operar os ativos”, completa.
Para 2019, a empresa tem planos de continuar sua inserção nas comunidades. “Estamos finalizando as contratações de empresas que serão parceiras em ações socioambientais e as usinas já estão recebendo alguns visitantes previamente selecionados.”, revela Suematsu.

Compartilhar

Postagens Relacionadas

Engie completa 1 ano de concessão das Usinas de Jaguara e Miranda
4/ 5
Oleh

Assine via e-mail

Adicionar o seu endereço de e-mail para subscrever .

Página inicial