segunda-feira, 26 de novembro de 2018

Cooperativa de crédito dá dicas sobre planejamento do 13º salário


Para trabalhadores empregados sob o regime da CLT (Consolidação das Leis do Trabalho), a chegada do fim do ano também é sinônimo do décimo terceiro salário, uma renda extra muito bem-vinda. Porém para os empresários isso significa aumento dos gastos e preocupação com as contas, principalmente se não houve um planejamento antecipado.
De acordo com o último relatório emitido pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos – DIEESE, “até dezembro, o pagamento do 13º salário deve injetar na economia brasileira mais de R$ 211,2 bilhões. Este montante representa aproximadamente 3% do Produto Interno Bruto (PIB) do país e será pago aos trabalhadores do mercado formal, inclusive aos empregados domésticos; aos beneficiários da Previdência Social e aposentados e beneficiários de pensão da União e dos estados e municípios. Cerca de 84,5 milhões de brasileiros serão beneficiados com rendimento adicional”.
Essa é uma considerável quantia de dinheiro que sai das empresas, dependendo do número de funcionários. Para o Gestor de Negócios da Unicred Aliança, Luís Antônio Menegazzo, “para não ‘passar aperto’, o ideal é que as empresas se organizem com antecedência e façam uma reserva, uma espécie de poupança, ao longo do ano, de forma que neste momento os recursos já estejam disponíveis”, afirma.
Porém, para empresas que não se planejaram ou tiveram algum imprevisto, nem tudo está perdido. De acordo com Menegazzo, para aquelas empresas que não foi possível fazer a reserva com antecedência, uma maneira de minimizar o impacto no fluxo do caixa é efetuar o pagamento conforme permite a legislação, ou seja, dividido em duas parcelas, lembrando que a primeira parcela deve ser paga até o fim de Novembro e a segunda até o dia 20 de Dezembro.
Ainda, segundo o Gestor, outra alternativa para efetuar o pagamento sem impactar muito o fluxo de caixa é financiar esta despesa através da contratação de uma operação de crédito. As instituições financeiras em geral costumam disponibilizar linhas de crédito específicas para esta finalidade. “A Unicred Aliança, por exemplo, disponibiliza uma linha de crédito especialmente para financiar o 13º de seus cooperados com taxas mais baixas e prazo adequado, de forma que as empresas possam honrar a obrigação sem estresse”, finaliza Menegazzo.
Saiba mais sobre os produtos e planos da Unicred, pelo site  www.unicred.com.br ou visite uma de nossas agências.

Compartilhar

Postagens Relacionadas

Cooperativa de crédito dá dicas sobre planejamento do 13º salário
4/ 5
Oleh

Assine via e-mail

Adicionar o seu endereço de e-mail para subscrever .

Página inicial