segunda-feira, 1 de outubro de 2018

Alunos da rede pública de ensino de Uberlândia-MG vão ao teatro



Projeto “2K – Investigação do Feminino” levará estudantes ao teatro para assistirem, gratuitamente, ao espetáculo “Tempo de Águas” de Patricia Zangaro e direção de Inês Peixoto.

O projeto “2 K – Investigação do Feminino”, aprovado no Programa Municipal de Incentivo à Cultura, por meio da Lei Estadual de Incentivo à Cultura, em 2016, só agora saiu do papel e, depois de dois anos, neste mês de outubro, chega aos alunos da rede pública de ensino de Uberlândia-MG para discutir e debater sobre questões ligadas ao universo feminino e humano, que foi o mote da pesquisa que culminou o espetáculo teatral “Tempo de Águas”.
O espetáculo tem como protagonistas as duas atrizes fundadoras do grupo, Katia Lou e Katia Bizinotto e a participação de todo o núcleo artístico: Cássio Machado, Imanol Tolaretxipi, Juliana Nazar, Juliano Rodrigues (in memoriam) e foi produzido pela Balaio Produções Culturais tendo envolvido mais de 15 pessoas além do núcleo artístico, desde o início do processo até as apresentações finais.
A direção optou por uma estética minimalista e simbólica que convida o público, por meio das figuras arquetípicas da anciã e da jovem, a um mergulho atemporal e sem fronteiras na histórica condição da mulher, desde sempre submetida a uma estrutura patriarcal já arraigada no imaginário. Entre os silêncios, a resignação, a repetição, as expectativas, a disputa de poder, a intolerância, o aprendizado, a escassez, o não lugar, as (im)possibilidades, a sororidade e a necessária tomada de decisão que, estimulada pelo conhecimento, é a força do feminino para vencer a opressão e o esquecimento.
Com a classificação livre, a peça, que é dirigida pela atriz e diretora Inês Peixoto, tem a duração de 70 minutos. As apresentações serão feitas conforme programação anexa, na Escola Livre do Grupontapé de Teatro, ao longo desse mês: oito para escolas da rede pública e duas abertas à população, também de forma gratuita (13 e 14 de outubro, sempre às 20h). O projeto contempla também como contrapartida social uma apresentação e uma Vivência: Roda Aberta de Danças Circulares Sagradas, que será compartilhada com a ONG Ação Moradia.

Tempo de Águas
A montagem conta a história de duas mulheres, uma velha e a outra jovem que, confinadas por causa de uma tempestade, refletem sobre a condição de suas vidas em meio a atritos e entendimentos. Um encontro inesperado que traz à tona revelações de um universo feminino, sobretudo, humano.
  
Expectativa
Segundo Katia Lou, a proponente do projeto 2K, a intenção é que os alunos das escolas públicas possam ter acesso ao teatro e à cultura, num espaço cultural e de formação que converge todas as atividades para o aprendizado.

Serviço:
O quê: Projeto “2K – Investigação do Feminino”
Onde: Escola Livre do Grupontapé de Teatro

Apresentações para a Rede Pública de Ensino de Uberlândia

Quando:
Dia: 01/10/2018
15h – Escola Estadual Messias Pedreiro
19h30 - Escola Estadual 13 de Maio

Dia: 02/10/2018
15h - Escola Municipal Professora Josiany França
19h30 - Escola Estadual Messias Pedreiro

Dia: 03/10/2018
09h30 - Escola Municipal Profª. Olga Del Fávero – CAIC LARANJEIRAS
15h - Escola Municipal do Bairro Shopping Park

Dia: 04/10/2018
15h – CESEC –Centro Estadual de Educação Continuada de Uberlândia
19h30 - Escola Estadual Professor José Ignácio de Souza

Dia: 05/10/2018
15h – ONG Ação Moradia

Apresentações aberta à população
 Tempo de Águas
Dias: 13 e 14/10/2018
Horário: 20h
Local: Escola Livre do Grupontapé de Teatro

Vivência: Roda Aberta de Danças Circulares Sagradas
Dia: 19/10/2018
Local: ONG Ação Moradia | Rua Canoas, 181 - Morumbi
Horário: 16h às 17h

Compartilhar

Postagens Relacionadas

Alunos da rede pública de ensino de Uberlândia-MG vão ao teatro
4/ 5
Oleh

Assine via e-mail

Adicionar o seu endereço de e-mail para subscrever .

Página inicial