terça-feira, 25 de setembro de 2018

Fundação Grupo Boticário comemora 28 anos preservando a natureza



Em quase três décadas, instituição se consolidou como uma das principais incentivadoras e fomentadoras de ações focadas na conservação do meio ambiente no Brasil
A Reserva Natural Serra do Tombador (GO) é mantida pela Fundação Grupo Boticário de Proteção à Natureza

Setembro é o mês em que a Fundação Grupo Boticário de Proteção à Natureza completa 28 anos de atuação pela conservação da biodiversidade. Quase três décadas dedicadas à produção e aplicação de conhecimento científico em todas as regiões brasileiras, à manutenção e preservação de cerca de 11 mil hectares de Mata Atlântica e Cerrado – os biomas mais ameaçados no país –; ao desenvolvimento de metodologias e modelos de negócio focados no bom uso e na valoração dos recursos naturais; à sensibilização da população para a causa conservacionista.
Para a diretora-executiva da Fundação Grupo Boticário, Malu Nunes, as ações desenvolvidas pela instituição são pautadas pelo desejo de aproximar a natureza do dia a dia das pessoas e de fazer com que o poder público e o empresariado vejam o potencial econômico do capital verde. “A preservação da natureza é essencial para qualquer negócio, para o bem-estar e para a saúde da população. O que seria de nós sem água, ar de qualidade e solo rico em nutrientes, por exemplo? Queremos inspirar as pessoas e incentivar a reflexão sobre as possibilidades que a natureza nos oferece, principalmente como solução para diversos problemas que enfrentamos atualmente”, destaca.

Conquistas
Entre as conquistas da Fundação o longo desses anos estão a criação e gestão de duas áreas naturais que equivalem, juntas, ao tamanho de Lisboa(110 km²). As reservas de Salto Morato (PR) e Serra do Tombador (GO) estão localizadas, respectivamente, na Mata Atlântica, onde vivem mais de 70% dos brasileiros, e no Cerrado, onde nascem as três principais bacias hidrográficas que abastecem o país. Além disso, a instituição já financiou ações de criação, implementação e estudos em mais de 500 áreas protegidas brasileiras por reconhecer que esses espaços são a mais efetiva estratégia para a conservação da biodiversidade.
Ao todo, são mais de 1,5 mil iniciativas e pesquisas científicas em preservação ambiental apoiadas financeiramente, tornando a Fundação uma das principais instituições da iniciativa privada a fomentar esse tipo de conhecimento. Por meio desse incentivo, mais de 170 novas espécies de animais e plantas foram descobertas. Para 2019, por exemplo, quase R$ 2 milhões estão reservados para programas com foco na proteção dos oceanos. O último edital, encerrado em agosto passado, foi exclusivo para a área costeiro-marinha e os projetos estão em fase de seleção. Isso mostra o alinhamento da instituição com movimentos globais de conservação, como a Década Internacional da Oceanografia para o Desenvolvimento Sustentável, definida pela Organização das Nações Unidas (ONU) para o período de 2021 a 2030.
O trabalho colaborativo e em rede é outra característica marcante da Fundação Grupo Boticário enraizada nessas quase três décadas. Exemplo disso são as iniciativas Araucária + e Oásis. A primeira – desenvolvida em parceria com a Fundação Centros de Referência em Tecnologias Inovadoras (Certi) – está implementada em Santa Catarina com o objetivo de contribuir com a preservação de florestas com Araucárias. O projeto reúne produtores do Planalto Serrano catarinense com representantes da sociedade, universidades e setor empresarial de diferentes localidades, agregando valor aos produtos extraídos por meio de inovação e criando uma rede sustentável de produção, venda e consumo.
Já a iniciativa Oásis incentiva e promove a valorização de ambientes naturais por meio de Pagamento por Serviços Ambientais (PSA) – mecanismos de incentivo econômico viabilizados a partir da articulação com atores públicos, iniciativa privada e sociedade civil. Fazem parte do projeto proprietários comprometidos com a conservação de áreas naturais e a adoção de práticas conservacionistas de uso do solo, especialmente regiões de mananciais, contribuindo com a segurança hídrica. Com 12 anos de atividade e sete projetos implementados em cinco estados brasileiros, somando 5 mil hectares de áreas naturais sob contrato, o programa também tem compartilhado a expertise adquirida, buscado acelerar e fortalecer iniciativas de conservação em diferentes dimensões e níveis de implementação a partir de ações de mentoria e capacitação em modelos de negócio.
“Nossa trajetória é definida pelo aprendizado constante e pela vontade de seguir inovando em prol da conservação. Em 28 anos, somamos muitas vitórias com projetos e ações que mostram que a natureza conservada é essencial para nosso desenvolvimento econômico e bem-estar social. Seguiremos trabalhando e fomentando discussões, ações e parcerias. Investimos em conservação da natureza por acreditar que este é o melhor legado que podemos deixar para esta e para as próximas gerações”, finaliza Malu.

Sobre a Fundação Grupo Boticário de Proteção à Natureza
A Fundação Grupo Boticário é fruto da inspiração de Miguel Krigsner, fundador de O Boticário e atual presidente do Conselho de Administração do Grupo Boticário. A instituição foi criada em 1990, dois anos antes da Rio-92 ou Cúpula da Terra, evento que foi um marco para a conservação ambiental mundial. A Fundação Grupo Boticário apoia ações de conservação da natureza em todo o Brasil, totalizando mais de 1.500 iniciativas apoiadas financeiramente. Protege 11 mil hectares de Mata Atlântica e Cerrado, por meio da criação e manutenção de duas reservas naturais. Atua para que a conservação da biodiversidade seja priorizada nos negócios e nas políticas públicas, além de contribuir para que a natureza sirva de inspiração ou seja parte da solução para diversos problemas da sociedade. Também promove ações de mobilização, sensibilização e comunicação inovadoras, que aproximam a natureza do cotidiano das pessoas.

Compartilhar

Postagens Relacionadas

Fundação Grupo Boticário comemora 28 anos preservando a natureza
4/ 5
Oleh

Assine via e-mail

Adicionar o seu endereço de e-mail para subscrever .

Página inicial