quarta-feira, 22 de agosto de 2018

Crianças aprendem a andar de bicicleta durante as aulas de educação física em Uberlândia



Projeto desenvolvido nas escolas municipais de Uberlândia é pioneiro no Brasil

Nas aulas de educação física da Escola Municipal Professor Valdir Araújo, no bairro Mansour, em Uberlândia, as gincanas e exercícios com bola agora dividem espaço na quadra com as aulas de bicicleta. Todas as tardes, com exceção das quartas-feiras, crianças de 6 a 11 anos aprendem a se equilibrar sobre as rodas. A ação é pioneira no ambiente escolar público em todo o Brasil. O trabalho é desenvolvido por dois professores do Instituto Saúde e Equilíbrio, em uma extensão do projeto Udi Bike, aquele mesmo que compartilha 40 bicicletas gratuitamente em 4 estações distribuídas pela cidade, com benefício da Lei Federal de Incentivo ao Esporte e o patrocínio da ITV Urbanismo e o Instituto Algar.
Os professores Leandrinho e Celso Júnior já iniciaram os trabalhos na segunda instituição de ensino municipal de Uberlândia neste ano. No primeiro semestre, 76 alunos também participaram das aulas para aprender a andar de bicicleta na Escola Municipal Gláucia Santos Monteiro, no bairro Carajás, e 48 deles conseguiram êxito.  Os casos mais notáveis de superação por meio do esporte foram de dois alunos com deficiência, um com hidrocefalia e o outro com autismo. “É muito gratificante vê-los a andar sem as rodinhas e eles estão aprendendo outra atividade fora da educação física tradicional. Não ensinamos só a pedalar e se equilibrar, damos noções de trânsito e falamos sobre as peças da bicicleta”, afirmou Celso Júnior.
O educador físico e professor Leandrinho disse que, além de praticar exercício físico, a criança também desenvolve a coordenação motora e tem melhor desempenho nas outras disciplinas na escola, fora da área esportiva. “Antigamente, a criança queria ganhar uma bicicleta de Natal, hoje em dia, os pais dão um tablet, justamente na época em que o filho precisa mais se desenvolver. Não é a toa que mais de 50% da população está obesa. Precisamos incentivar as crianças para que não tenham problemas futuros”, afirmou.
Clóvison Gonçalves, o Clovin, idealizador do projeto, falou da satisfação do primeiro semestre de trabalho do Udi Bike. Segundo ele, menos da metade dos alunos do período da tarde na primeira escola onde foram oferecidas as aulas sabia andar de bicicleta e depois de 5 meses, 70% aprendeu a pedalar. “A diretora da escola Gláucia Monteiro, a Célia, disse que as crianças melhoraram até em sala de aula. O que mostra que somos mente, corpo e alma”, afirmou.
Enilda Gonçalves é avó de Ana Júlia, de 7 anos, aluna da Escola Municipal Professor Valdir Araújo e integrante do projeto. Segundo a costureira, seria importante que todas as crianças tivessem a mesma oportunidade da neta em aprender a andar de bicicleta. “Eu achei muito criativo, nunca tinha visto. A criança precisa se acostumar no esporte desde bem pequena, porque o esporte é saúde”, afirmou.

Gratuidade eleva em 80% a utilização das bicicletas compartilhadas
O projeto original, Udi Bike de bicicletas compartilhadas, inaugurado em 2016 e que cobrava tarifas dos usuários, passou a ser gratuito desde fevereiro deste ano. A gratuidade fez com que os números de utilização aumentassem de uma média de 620 empréstimos por mês para 1140, ou seja, um crescimento de mais de 80%.
Até o início de fevereiro, o sistema operava com cobranças que variavam de R$ 3 a R$ 50. Já a regra de utilização continua a mesma. O usuário pode pedalar por até 2 h, sem nenhuma cobrança, e para fazer nova retirada é preciso aguardar um intervalo de 10 minutos.  O projeto conta com 4 estações e 40 bicicletas, com objetivo de promover o lazer, o esporte e a qualidade de vida, incentivando a mobilidade urbana alternativa e sustentável. 
Para utilizar o sistema, o usuário deve se cadastrar no site https://udibike.tembici.com.br/ e retirar uma bike em um dos quatro pontos da cidade, sendo eles o Centro de Tecelagem, o viaduto da avenida João Naves com Rondon Pacheco, o Batalhão do Corpo de Bombeiros e a entrada do bairro Granja Marileusa.

Compartilhar

Postagens Relacionadas

Crianças aprendem a andar de bicicleta durante as aulas de educação física em Uberlândia
4/ 5
Oleh

Assine via e-mail

Adicionar o seu endereço de e-mail para subscrever .

Página inicial