quarta-feira, 21 de março de 2018

Dia Internacional da Síndrome de Down é divulgado pelo Hospital Santa Genoveva


Celebrado em todo o mundo em 21 de março, o Dia Internacional da Síndrome de Down é lembrado pelo Hospital Santa Genoveva. A data tem o objetivo de promover esclarecimentos e chamar a atenção da sociedade para reduzir a discriminação e ampliar as formas de inclusão social e luta por direitos iguais. O dia faz referência aos três cromossomos 21, que caracterizam a síndrome. Desde 2006 a data entrou para o calendário oficial da Organização das Nações Unidas (ONU).
Segundo o Censo de 2010 do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e do Ministério da Saúde, existem mais de 300 mil pessoas com síndrome de down no Brasil, considerada uma das síndromes genéticas mais comuns no país.
De acordo com o site do Movimento Down, aproximadamente 40 alunos com a síndrome frequentam as universidades brasileiras.
Para o médico geneticista e pediatra da Universidade Federal de Uberlândia, Luiz Roberto da Silva, a síndrome de down não deve ser vista como uma enfermidade e sim como uma condição geneticamente determinada tendo um modo de ser próprio, quanto a aspectos biológicos e psicológicos. “É uma síndrome determinada geneticamente e são raras as vezes que tem recorrência familiar”, salienta o geneticista.
“Mulheres de todas as faixas etárias podem gerar crianças com síndrome de down, porém, quando a idade materna é acima de 35 anos, aumenta essa probabilidade. A pessoa com síndrome de down requer apoio psico-pedagógico para otimizar seus potenciais e a família deve cuidar para que eles tenham o máximo de autonomia e independência”, finaliza o médico.

Compartilhar

Postagens Relacionadas

Dia Internacional da Síndrome de Down é divulgado pelo Hospital Santa Genoveva
4/ 5
Oleh

Assine via e-mail

Adicionar o seu endereço de e-mail para subscrever .

Página inicial