quinta-feira, 2 de março de 2017

Cia Cultural EMCANTAR celebra 20 anos



Novo posicionamento institucional, novo CD e muitos sonhos inauguram nova década do empreendimento cultural mais encantador de Minas Gerais.

Há 20 anos, quando poucos ainda no Brasil se aventuravam a falar em responsabilidade social, cultural e ambiental, surgia em Araguari, interior de Minas Gerais, um empreendimento despretensioso cujo único propósito era cantar e encantar pessoas.
O tempo passou, quase mil espetáculos foram realizados para mais de 300 mil espectadores, cerca de 18 mil produtos distribuídos, prêmios recebidos e mais de 20 mil pessoas envolvidas em projetos de arte-educação. E o propósito? De fazer arte e encantar pessoas não mudou: seguiu firme, tão firme que precisou de um novo posicionamento.
“Como não nos reunimos para montar um negócio, com o passar dos anos, aprendemos a empreender nosso sonho coletivo e transformá-lo em um bom negócio, no melhor sentido da palavra, para nós e o mundo. Como fomos desbravadores em um setor árido da economia nacional em nossa região, chegou aquele momento natural da vida em que o grupo sentiu que precisava crescer, não necessariamente em tamanho, mas em clareza de propósito e estruturação de maneiras mais eficientes para se percorrer o caminho”, conta o fundador e diretor do EMCANTAR, Marco Aurélio Querubim.
Para ele, o EMCANTAR é evidência de como a cultura pode ser elemento estratégico viável e poderoso para a transformação social, econômica e política com a qual muitos brasileiros sonham.
“Historicamente, o Estado e a sociedade brasileira ignoram o poder transformador da Cultura. Entre tantas outras iniciativas de criatividade, perseverança e resistência espalhadas pelo nosso País, o EMCANTAR é uma prova viva de que a Cultura, além de gerar identidade, sentido de pertencimento e desenvolvimento humano, gera empregos, movimenta a economia, produz beleza e felicidade, artigos raros numa sociedade cada vez mais individualista e materialista”, pontua.

De olho em 2020...
O processo de planejamento estruturado que resultou no novo posicionamento institucional do EMCANTAR teve início em 2013. Daí, resultaram projetos estratégicos e mais desafios e metas para várias dimensões do empreendimento até o ano de 2020. “Foram quatro anos de um trabalho intenso de alinhamento geral para tornar claro que há um empreendimento denominado EMCANTAR Cia. Cultural, cuja atuação se divide em duas frentes: o Grupo EMCANTAR com uma carreira artística pautada por encantar pessoas por meio de seus CDs, DVDs e circulação de espetáculos que mesclam música, teatro, tradição e inovação; e o EMCANTAR Social, que proporciona o desenvolvimento de crianças e adolescentes por meio de projetos regulares de arte-educação”, explica Querubim.
Só para 2017, o EMCANTAR Social já disponibilizou gratuitamente para a sociedade centenas de vagas em projetos de arte-educação em Uberlândia e Araguari (MG). Já o Grupo EMCANTAR prepara para breve o lançamento do seu primeiro álbum instrumental para crianças, o DUM DUM, também como parte das comemorações de 20 anos. E não para por aí! Entre as metas em desenvolvimento, estão: a construção da sede da Companhia, a expansão em nível nacional, internacional e virtual do Grupo EMCANTAR, bem como a ampliação do público beneficiado com projetos socioeducativos do EMCANTAR Social em Araguari.

Compartilhar

Postagens Relacionadas

Cia Cultural EMCANTAR celebra 20 anos
4/ 5
Oleh

Assine via e-mail

Adicionar o seu endereço de e-mail para subscrever .

Página inicial