segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

Melhoria na distribuição põe Uberlândia em 2º lugar do País em saneamento

Estação Tratamento Água Bom Jardim 1
Uberlândia é a segunda cidade do Brasil com o melhor tratamento de água e esgoto entre as 100 maiores cidades dopaís. Divulgados neste mês e tendo sido base para reportagem do programa "Fantástico" da Rede Globo deste último domingo (19), os dados do Instituto Trata Brasil referem-se ao ano base 2015, mas refletem os investimentos da última década em saneamento básico e tratamento de recursos hídricos na cidade. No Município, 100% das casas contam com água tratada e 97,23% com rede de esgoto. Desde 2005, Uberlândia se manteve entre as 10 melhores posições no ranking nacional.
  “O principal fator que levou a melhora do desempenho de Uberlândia no Ranking Trata Brasil foi a evolução na redução das perdas na distribuição”, confirma nota enviada pelo instituto.
Em 2005, na primeira gestão do prefeito Odelmo Leão, o Departamento Municipal de Água e Esgoto (Dmae) iniciou a modernização do seu sistema público de abastecimento. Parte dessa evolução foi realizada por meio do projeto de telemetria com automação, no qual o Dmae investiu R$ 2,5 milhões.
A telemetria consiste na coleta e transmissão de dados operacionais à distância e em tempo real, para microcomputadores localizados em uma Central de Controle do Dmae. A automação é essencial para aumentar a eficiência do abastecimento e diminuir as perdas de água.

Tarifa
A tarifa de água de Uberlândia continua entre as mais baratas do país considerando as 100 maiores cidades brasileiras. O preço médio do metro cúbico de água (equivalente a 1 mil litro) fornecido pelo Dmae é de R$ 1,58 enquanto que em Franca, cidade que aparece no topo da lista o valor é de 2,34, quase 50% a mais do que é cobrado no município mineiro.

Estrutura

O Dmae conta hoje conta com duas Estações de Tratamento de Água (ETA), Bom Jardim e Sucupira e construção da terceira estação prevista para começar a operar em 2019. Duas Estações de Tratamento de Esgoto (ETE), Uberabinha e Aclimação, além de 56 estações Elevatórias de Esgoto. Todo esse sistema permite o fornecimento de água tratada e de boa qualidade aos seus 669.672 habitantes, conforme estimativa populacional do IBGE divulgada no ano passado. Assim como possibilita que todos os moradores de áreas regulares tenham acesso à rede de esgoto.

Compartilhar

Postagens Relacionadas

Melhoria na distribuição põe Uberlândia em 2º lugar do País em saneamento
4/ 5
Oleh

Assine via e-mail

Adicionar o seu endereço de e-mail para subscrever .

Página inicial