quarta-feira, 21 de dezembro de 2016

Vai viajar nas férias? Saiba quais os cuidados que é preciso ter se for levar o animal de estimação

Viajar requer uma série de providências e para quem tem animal de estimação ainda surge o dilema sobre levá-lo ou deixá-lo em casa. Uma viagem longa pode ser estressante para o pet e por isso a opção é pedir a ajuda de alguém de confiança ou procurar um hotel para animais. Por outro lado, algumas raças são muito mais apegadas aos donos, como os cães de pequeno porte, e ficar longe pode ser um problema. Por isso, se a decisão é viajar com o bicho, certos cuidados devem ser tomados durante o percurso.
Para transportar animais de estimação em ônibus ou aviões, os donos devem primeiro estar atentos às leis que regulamentam o serviço e também fazer uma pesquisa prévia na empresa pela qual vão viajar. Segundo a veterinária Sirlei Manzan, quando o percurso é feito de carro, é importante sair em um horário mais fresco e parar, em média, de duas em duas horas para oferecer água ao animal. “O ideal é não dar ração ou outro tipo de alimento para evitar vômitos, mas se a viagem for longa, é preciso alimentar o animal com pequenas porções”, disse a veterinária.
No carro, os animais devem viajar caixas de transporte presas ao cinto de segurança. Em viagens aéreas, é necessário informar-se antes com a empresa, pois cada uma estipula suas próprias regras. Algumas companhias permitem que animais até 10 kg, em trajetos curtos, fiquem em caixas de transporte na mesma área que o dono.
Antes de embarcar é necessário apresentar atestado veterinário e cartão de vacina atualizado. As regras são as mesmas para viagem de ônibus ou avião.
De acordo com Sirlei Manzan, deve-se evitar viajar com animais idosos, principalmente aqueles cujas condições de saúde requerem cuidado, e também com os muito jovens, que não completaram o esquema de vacinação. “Nesses casos, eles devem viajar somente se necessário e não podem ficar expostos a outros animais ou à rua”, disse a médica veterinária.

Se o dono do bicho decidiu por não levá-lo, a veterinária indica visitar um hotel com antecedência, observar a higiene, os canis e o tratamento para com os cachorros. Alguns não aceitam animais de grande porte, fêmeas no cio e machos que não sejam castrados. Os pets ainda devem estar com a vacinação em dia.

Compartilhar

Postagens Relacionadas

Vai viajar nas férias? Saiba quais os cuidados que é preciso ter se for levar o animal de estimação
4/ 5
Oleh

Assine via e-mail

Adicionar o seu endereço de e-mail para subscrever .

Página inicial