terça-feira, 6 de dezembro de 2016

FIEMG está em busca de empresas que desejam exportar para a China

O objetivo é levar os empresários do setor de alimentos e bebidas para fazerem parte do pavilhão da FIEMG, na Canton Fair 2017. 

A Missão Empresarial  e Governamental à China e Hong Kong feita pelo Instituto de Desenvolvimento Integrado de Minas Gerais (INDI), em conjunto com a Federação das Indústrias de Minas Gerais (FIEMG), no mês de novembro, teve como resultado importantes avanços nas relações comercial e institucional entre o estado e aquele país. Foram feias tratativas nas áreas de mineração, alimentos, infraestrutura, esportes, entre outras.
            Um dos principais resultados da missão foi a definição, pelo INDI e FIEMG, da montagem de um pavilhão de produtos mineiros (alimentos e bebidas não alcoólicas) na “China Import and Expot Fair” (Canton Fair), em maio de 2017. A ação contará com o apoio do governo da província irmã de Minas Gerais - Jiansu - e do Conselho Chinês para a Promoção do Comércio Internacional. O objetivo é promover as exportações de produtos estrangeiros ao mercado chinês.
            “Nós estamos convocando o industriário, o empresário do setor de alimentos e bebidas não alcoólicas, que tem interesse em participar da feira, para nos procurar e integrar ao grupo de empresas que vão compor o pavilhão da FIEMG, na China”, explicou Everton Magalhães Siqueira, presidente da Regional Vale do Paranaíba. A Canton Fair é considerada a maior feira multissetorial do mundo realizada todos os anos na cidade de Guangzhou, acontece duas vezes ao ano, em maio e em outubro, e é dividida sempre em três fases.
            A Regional Vale do Paranaíba é a primeira das regionais da FIEMG a ter um setor de Relações Internacionais fora de Belo Horizonte, o CIN (Centro Internacional de Negócios).  O  escritório do CIN em Uberlândia atua na elaboração e coordenação de projetos que visam o aprofundamento da cooperação, negócios e internacionalização entre empresas e instituições mineiras e estrangeiras.

Missão Empresarial e Governamental à China e Hong Kong
            Durante 12 dias ( 7 a 18 de novembro) a comitiva passou pelas cidades de Beijing, Tianjin, Fuzhou, Shangai, Hangshou, Nanjing, Changzhou, Sushou e Hong Kong, contemplando reuniões com grandes importadores de alimentos e empresas interressadas em investir no Brasil. Do lado do comércio exterior, a missão atingiu os resultados pretendidos ao assegurar canais de entrada para produtos mineiros no mercado chinês, um dos mais dinâmicos da atualidade. Os destaques ficam para as negociações envolvendo a exportação de alimentos transformados e de serviços técnicos do futebol.
Do lado da atração de investimentos, a prospecção de empresas fabricantes de produtos não existentes em Minas Gerais, como fornecedores de equipamentos para a cadeia de energia solar, implicará a diversificação da estrutura industrial do estado, aumentado a competividade da indústria mineira face a outras regiões.
Esta foi uma iniciativa conjunta do INDI (Instituto de Desenvolvimento Integrado de Minas Gerais) e do Sistema FIEMG, e teve como principal objetivo a prospecção de oportunidades de exportações e de investimentos para a indústria mineira.


Compartilhar

Postagens Relacionadas

FIEMG está em busca de empresas que desejam exportar para a China
4/ 5
Oleh

Assine via e-mail

Adicionar o seu endereço de e-mail para subscrever .

Página inicial