segunda-feira, 18 de julho de 2016

O risco do exercício físico extenuante nos dias frios

A prática regular de exercícios físicos é essencial para a manutenção da saúde física e mental. Ter esse hábito ajuda a melhorar os níveis de pressão arterial, de frequência cardíaca, glicemia e colesterol, além de diminuir o peso, entre outros benefícios. Assim, sugere-se que exercícios físicos leves e moderados, de 3 a 5 vezes por semana, 1 a 2 horas por dia, devem ser altamente recomendados para a maioria das pessoas, pois são altamente benéficos, especialmente para a saúde cardiovascular.
Entretanto, todos estes benefícios estão cientificamente comprovados e relacionados à prática regular de exercícios leves ou moderados. Ainda existe muita controvérsia em relação aos reais benefícios dos exercícios físicos que exijam grandes esforços na saúde cardiovascular. Mais recentemente, percebemos um aumento considerável no número de praticantes de esportes que exigem a prática diária de atividade física vigorosa: corredores de longa distância, nadadores, ciclistas, praticantes de musculação, lutas e outros exercícios físicos extenuantes do dia-a-dia. Mas, afinal, estes exercícios que exigem grandes esforços são igualmente benéficos para a saúde cardíaca? Existe diferença entre o risco de eventos cardiovasculares durante os dias mais frios do ano?
A prática de exercícios físicos de maneira e intensidade mais vigorosas pode levar a uma série de problemas, especialmente quando é feito por pessoas que nunca praticaram este tipo de atividade ao longo de sua vida e que resolvem fazê-lo na idade adulta. Assim, o excesso de exercícios pode levar a lesões ósseas, em músculos, tendões, articulações e outros. O risco de lesões musculares e articulares aumenta muito também durante os dias mais frios do ano. Quando associados à alimentação ou hidratação inadequadas o vício no esporte pode também levar a anemia, hipoglicemia, perda exagerada de peso, desnutrição, baixa de imunidade, infecções, distúrbios hormonais, renais e outros. Existem ainda inúmeros distúrbios mentais que podem decorrer da prática exagerada de exercícios físicos, especialmente em crianças e adolescentes. Quando obrigados a realizar inúmeras atividades esportivas ao longo da semana podem desenvolver sentimentos de tristeza, frustração, ansiedade e depressão.
Com relação especificamente à saúde cardiovascular, os dados também são contraditórios. Durante o exercício físico de alta performance (seja ele aeróbico ou contra resistência), existem alterações significativas do sistema cardiovascular com aumento de 2 a 3 vezes na frequência cardíaca do indivíduo e aumento significativo dos níveis de pressão arterial. Estas alterações levam á aumento do estresse realizado pelo sangue na parede dos vasos sanguíneos, além de exigirem um maior poder de contração do músculo cardíaco para que a musculatura, pele, cérebro e o próprio coração, recebam maior fluxo de sangue. Em geral, o aumento da quantidade de sangue bombeada por minuto pelo músculo cardíaco também aumenta de 2 a 4 vezes (a depender do grau de esforço físico). Desta forma, o risco de ocorrência de eventos cardiovasculares aumenta consideravelmente durante o exercício físico extenuante (como infartos, acidentes vasculares cerebrais e arritmias benignas ou malignas). Tudo isso ainda é agravado por um aumento considerável na incidência de eventos cardiovasculares relacionados ao exercício físico nas semanas mais frias do ano. Durante os dias mais frios, a ocorrência de infartos e "derrames" chega a ser 30% maior que em dias mais quentes.
Existem formas de prevenir os eventos cardiovasculares graves relacionados à prática de exercícios físicos exagerados. A primeira, seria uma boa avaliação médica antes de iniciar o programa de preparação física. O outro seria um acompanhamento do treinamento por profissionais experientes para que o incremento de carga ocorra de maneira gradual e progressiva e respeite não só a condição física do atleta, mas também, a um programa adequado de nutrição, hidratação e o respeito às adaptações necessárias tipo de terreno e clima em que a atividade será exercida. 




Compartilhar

Postagens Relacionadas

O risco do exercício físico extenuante nos dias frios
4/ 5
Oleh

Assine via e-mail

Adicionar o seu endereço de e-mail para subscrever .

Página inicial