segunda-feira, 18 de novembro de 2019

Campanha Regularize do Crea-MG dará descontos de até 90%



Profissionais e empresas poderão negociar suas dívidas de anuidades e autos de infração até o dia 31 de dezembro de 2019
O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Minas Gerais (Crea-MG) inicia em novembro uma nova edição da campanha “Regularize”, uma ação para que profissionais e empresas negociem e quitem suas dívidas de anuidades e autos de infração. A campanha começa no dia 18 e segue até o dia 31 de dezembro de 2019, oferecendo descontos de até 90% nos juros.
Neste ano, poderão participar da campanha os inscritos em dívida ativa, os protestados e quem estiver com processo ajuizado até 2017. “Na última campanha, foram concretizadas 1758 negociações. Um número expressivo que mostra também o interesse do profissional em regularizar sua situação junto ao Crea/MG, por isso o nosso esforço em fazer uma nova edição em 2019”, explica o procurador do Crea-MG, Rubens Jardim.
O profissional que se regularizar vai evitar uma ação judicial, ser protestado e também impedir que o seu nome seja incluído nos registros de proteção ao crédito como o Cadastro Informativo de Créditos não Quitados do Setor Público Federal (Cadin). Quem estiver regular poderá ainda participar de licitações e concursos, além de acessar todos os serviços do Crea-MG, como emitir Anotação de Responsabilidade Técnica (ART) e certidões.
Para o presidente do Crea-MG, engenheiro civil Lucio Borges, essa é uma oportunidade para que profissionais e empresas fiquem regulares, e possam exercer legalmente a sua profissão. “O nosso intuito é facilitar o processo para a quitação de dívidas e trazer o profissional de volta ao mercado", afirma o presidente.

Descontos
Para quem estiver inscrito na dívida ativa e se interessar em quitar o débito durante a campanha terá, no caso de pagamento à vista, 90% de desconto em juros, pagamento em duas parcelas, 75% de desconto, e por fim, pagamento de três a cinco parcelas com 50% de desconto. Para as dívidas protestadas, o desconto também será de 90% nos juros no pagamento à vista, mas não haverá parcelamento.
Já para as ações judicializadas até 2017, o Conselho vai oferecer a possibilidade de conciliação. Por meio do projeto Conciliar, foi montada uma estrutura especial com uma equipe preparada para renegociar as dívidas. Neste caso, será concedido  desconto de 60% nos juros no pagamento à vista.
Os interessados podem conferir a existência de dívidas no site www.crea-mg.org.br/especial/regularize/, ou por meio do e-mail regularize@crea-mg.org.br.

Mais informações

Cajubá prepara tradicional festa de Réveillon do Clube da Colina



Está na hora de programar a comemoração da chegada do novo ano, e o Cajubá Country Club já está preparando a tradicional festa de Réveillon para quem quer começar o ano de 2020 celebrando em grande estilo. Será uma noite memorável com um cardápio selecionado, atrações musicais, além do show pirotécnico que é um espetáculo à parte. Os convites para esta festa que promete ser muito animada já podem ser adquiridos na secretaria do Clube, de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h, sendo que a quantidade é limitada.
Os associados e seus convidados vão festejar a chegada do ano novo com shows exclusivos com a banda A Voltagem e o cantor Thyago Brandão. O evento terá início às 22 horas do dia 31 de dezembro e tem previsão de término para às 4h da manhã do dia 1º de janeiro. Além das apresentações, o Réveillon do Cajubá contará com um saboroso buffet, com diversas opções de queijos, saladas, salamarias, frutas, um jantar irresistível com mais de 10 opções de pratos, além de sobremesas de dar água na boca. No valor dos convites estão inclusos o buffet e um espumante por mesa para deixar a comemoração ainda mais completa. Para os que preferirem levar o seu próprio vinho ou destilado para degustar durante a festa, a rolha é liberada mediante o pagamento da taxa de R$ 20 para os vinhos e R$ 30 para whisky e outros.
As reservas podem ser feitas na secretaria do Cajubá ou pelo número (34) 3257-9900. Haverá mesas com 4, 6 ou 8 lugares, com opção de aquisição de uma cadeira extra.

Serviço
Réveillon Cajubá 2020
Data: 31 de dezembro
Horário: a partir das 22h
Local: Cajubá Country Club - Rua Antônio Marquês Póvoa Júnior, 135, bairro Vigilato Pereira
Ingressos por pessoa (compra mínima: mesa com 4 lugares - opção de 6 e 8 lugares);
Sócios - R$ 195,00
Convidados de sócios - R$ R$ 235,00
Crianças de 7 a 12 anos - R$ 80,00
Entrada gratuita para crianças de até 7 anos.
Cadeira extra (opcional - 01 por mesa)

Garanta seu lugar antecipado e parcele no cartão:
- Até 30 de novembro: 2x no cartão
- A partir de 1 de dezembro: parcela única
Mais informações

Callink desenvolve planejamento estratégico para próximos cinco anos, com envolvimento de toda equipe


William Costa Dias, CEO da Callink

Uma nova década se inicia com a chegada de 2020 e, atenta aos desafios e transformações contínuos, a Callink inovou na sua forma de fazer o tradicional planejamento estratégico, promovendo uma ação mais ampliada com a participação de toda equipe em palestras, treinamentos, workshops e reflexões sobre o que vem para os próximos cinco anos. Até dezembro serão realizadas dezenas de ações com foco nos desafios do mercado e dos negócios.
Esta nova proposta de planejamento, com envolvimento de toda a organização, foi resultado de um trabalho inicial, por meio de reuniões com os principais executivos e lideranças da Callink, em que foram realizadas análises de resultados, perspectivas, cenários do mercado e desafios para os próximos cinco anos. Para conduzir este processo a empresa contratou o consultor Luís Rasquilha, que já atuou como consultor de 10 das empresas mais inovadoras do mundo. CEO da Inova Consulting, da Inova Business School e da Rwear, ele é professor convidado da FIA e autor e coautor de 18 livros técnicos sobre marketing, comunicação, futuro, tendências e inovação.
Dentre as ações realizadas com as equipes estão palestras que levam à reflexão de cenários além do ambiente de trabalho, mas da sociedade de forma ampla. A ideia é que todos estejam sintonizados com as transformações tecnológicas, seus impactos e a necessidade de adequar propósitos e atitudes. No aspecto da empresa, o movimento é no sentido da razão de existir e o que oferecer ao mercado, tendo como referência a visão de satisfazer proativamente todas as necessidades de interação dos clientes da Callink com o mercado. Para treinamentos e workshops foram escolhidos temas para se aprofundar, como metodologias ágeis e jornada do cliente, possibilitando aos colaboradores a ampliação dos conhecimentos e formas ainda mais efetivas de conseguir resultados e se adequar às transformações.
A definição de ampliar este planejamento tornando-o uma ação de ‘Declarações estratégicas’ em toda a organização, teve como referência a ideia de convergência, pois está claro que a hora é de movimento, seja interno como externo. Assim, o objetivo é que estejam todos alinhados e caminhando em uma mesma direção, cientes dos desafios e das propostas de transformação do mercado, como explica o CEO da Callink, William Costa Dias. “A Callink tem como propósito a ‘paixão em conectar pessoas e tecnologias’, e entendemos ser essencial estar todos conectados no planejamento para os próximos anos, por isso esta ação ampliada. Desde sua fundação, em 2006, estamos sempre inovando, mas acreditamos que há potencial de ir muito além, como já mostramos neste ano com dezenas de iniciativas. Contratamos esta consultoria com experiência internacional, com o objetivo de ampliar nossa capacidade de ser ainda mais inovadores, dar sequência à nossa transformação digital com uma clara visão de futuro, adequação à uma cultura cada vez mais ágil, de simplicidade na execução e sempre na busca contínua pela excelência”, destacou o CEO.
Neste planejamento para cinco anos também estão sendo definidas novas estratégias de produtos e serviços para o mercado, como destaca o diretor comercial Luciano Silva. “A inovação está no DNA da Callink, tanto que novamente neste ano seguimos sendo reconhecidos por diferenciais em produtos e serviços oferecidos aos nossos clientes e também ao mercado, com mais premiações nacionais e principalmente o encantamento de nossos parceiros. Em um mundo em constante transformação temos que buscar novas inspirações e esta forma de planejamento, com a consultoria e o envolvimento de todos, aumenta esta capacidade que temos de criar e de nos antecipar às necessidades de nossos clientes. Estamos nos alinhando cada vez mais com as tendências globais e fazendo com que todos sejam parte deste processo contínuo de transformações. Vamos iniciar uma nova década com muitas novidades e perspectivas cada vez melhores”, concluiu Luciano Silva.

Mais informações

Quadro “Delícias da Nina’s” vai ensinar receitas fáceis de fazer

Ivana Lima, Mônica Cunha e Marcus Vinicius.
Nesta terça-feira (19), estreia no programa Manhã Total, da TV Paranaíba, afiliada Rede Record, o quadro “Delícias da Nina’s”, uma realização da Nina’s Fest, loja completa de confeitaria em Uberlândia.
Serão três quadros mensais com receitas deliciosas e que qualquer pessoa consiga fazer. A proposta é levar ideias de receitas simples para as donas de casa que querem aprender delícias para fazer para a família ou mesmo para começar a empreender. Além das receitas, o quadro vai trazer dicas de como escolher a embalagem e surpreender na apresentação, por exemplo.
“Para este mês de novembro, teremos receitas de pé de moça, sequilhos e bolo de cenoura, com ingredientes que a dona de casa encontra na Nina’s Fest”, contou Ivana Lima, chef confeiteira que apresentará o quadro.
“Foi um convite muito legal que eu recebi da Nina’s Fest e não pensei duas vezes. Gosto demais de ensinar e espero passar um pouquinho do meu conhecimento para as telespectadoras do Manhã Total”, completou.
A Nina’s Fest está em Uberlândia com duas lojas completas: na Av. Vasconcelos Costa, 120 (Martins) e na Av. José Fonseca e Silva, 1234 (Jardim Patrícia).

Serviço
Quadro “Delícias da Nina’s”
Programa Manhã Total, na TV Paranaíba (afiliada Record)
Dia 19/11 (terça-feira), a partir das 7h

Mais informações

Mestre-Cervejeiro.com comemora 15 anos e planeja chegar a 150 lojas até 2022


Em 2019, rede de cervejas artesanais abriu 17 novas lojas e faturou mais de R$ 17 milhões. 

O segmento de cervejas artesanais vem conquistando cada vez mais adeptos. Prova disso é a expansão da Mestre-Cervejeiro.com, maior rede de lojas de cervejas artesanais do país. Atualmente, a rede tem mais de 60 unidades espalhadas em diferentes regiões do Brasil, do norte ao sul. Em 2019, foram inauguradas 17 lojas e, até o final deste ano, a expectativa de faturamento é de ultrapassar R$ 22 milhões.
Além da expansão das lojas, a Mestre-Cervejeiro.com também apostou na estratégia de envasar alguns rótulos próprios em latas de 350 ml. E já sente os resultados. Nos últimos meses, o faturamento cresceu uma média de 40% nas vendas de cervejas próprias em latas dentro de sua rede de lojas, envasadas pela parceira da marca, a premiada cervejaria Tupiniquim. Os rótulos próprios envasados em lata são Amarillo Weisse, Hallertau Mosaic Pilsner, Double IPA Cascade, Summer Ale, Classic Witbier, Tropical Pale Ale e Modern IPA. Em 2019 a marca também lançou a Double Brown Ale Café - edição limitada lançada em comemoração aos seus 15 anos, produzida pela cervejaria Lohn Bier em parceria com Pete Slosberg, esta vendida em garrafas de 500ml.
A rede, que começou suas atividades no mercado cervejeiro em 2004, é uma das responsáveis por impulsionar o crescimento do setor. Segundo Daniel Wollf, fundador e CEO da marca, o objetivo da rede é continuar crescendo e chegar em 2022 com 150 lojas. “Sempre viemos num ritmo crescente de expansão e a ideia é crescer com qualidade nos pontos de venda, entregando melhor suporte ao franqueado e, consequentemente, um melhor serviço ao cliente”, explica.
Wolff também afirma que o objetivo da Mestre-Cervejeiro.com é continuar conquistando novas pessoas para a cultura cervejeira. “Nosso plano sempre foi o de levar as cervejas artesanais para todos, com informação e atendimento de maneira simples e descomplicada”, garante. O crescimento da rede também está relacionado à melhora do serviço, comenta Daniel. “Temos implementando novas tecnologias, principalmente na comunicação entre franqueadora e franqueado e também ao aumento na equipe de atendimento para um melhor suporte ao franqueado”. 
Segundo Daniel, além das cervejas que já são comercializadas, o objetivo é manter o padrão de qualidade, expandindo a rede com parceiros engajados na missão de levar a cultura da cerveja para todos. “O estilo de vida da cerveja artesanal para nós é muito importante, o estilo Mestre-Cervejeiro.com”, afirma.

Mercado em expansão
Mestre-Cervejeiro.com faz parte de um mercado cada vez mais aquecido. Prova dessa ascensão é que de 2009 para 2019 o aumento de fábricas de cervejas artesanais foi de 292,1%, segundo a Associação Brasileira de Cerveja Artesanal (Abracerva). Até o mês de junho de 2019 foram autorizadas 111 novas fábricas, uma média de 22 por mês.
Se em 2009 o consumidor só encontrava marcas populares de cervejas nos mercados, atualmente a realidade é outra, sendo possível encontrar facilmente diversos rótulos de cervejas artesanais, produzidos por micro, pequenas e grandes empresas. “O mercado de cerveja artesanal vem crescendo no mundo. Por muito tempo, o mercado das cervejas foi dominado pelas grandes marcas, que a cada ano tiraram cada vez mais o gosto de seus produtos. Agora, o cliente quer novas experiências gastronômicas, sentir novos sabores, novos estilos e fazer novas harmonizações”, explica Daniel Wolff, da Mestre-Cervejeiro.com.
O Brasil ocupa hoje o terceiro lugar como maior produtor de cerveja artesanal do mundo, atrás apenas dos Estados Unidos e da China. Prova dessa expansão cervejeira são os dados do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), que registrou recentemente a milésima cervejaria artesanal do Brasil.

Preferência nacional
Em 2018, o Brasil apresentou um crescimento de 23% no número de cervejarias artesanais pelo Brasil. Este aumento confirma que a bebida continua sendo a preferência nacional. Só na região sul do Brasil, contando os três estados, são mais de 369 cervejarias, segundo informações do Anuário da Cerveja no Brasil 2018 do MAPA, onde são apresentados dados sobre o crescimento e inovação do setor.
O estado do Rio Grande do Sul continua nas primeiras posições, totalizando 179 cervejarias artesanais. Na mesma linha, em seguida vem os estados de São Paulo, com 144, Minas Gerais com 112, Santa Catarina com 102, Paraná com 88, Rio de Janeiro com 56, entre outros. Depois do Sul, as regiões que mais têm cervejarias são o Sudeste com 328, o Nordeste com 61, o Centro-Oeste com 51 e o Norte com 26.

Mais informações

Caça e Pesca recebe mais de 500 atletas para os Jogos dos Advogados Mineiros


Pela primeira vez evento é regionalizado e vai para o interior; Uberlândia terá representante de 13 cidades.

O Clube Caça e Pesca Itororó sedia entre os dias 21 a 24 de novembro os Jogos dos Advogados Mineiros (JAM). Estarão em Uberlândia 510 atletas advogados entre 18 a 55 anos, totalizando cerca de 1 mil participantes, incluindo treinadores, assistentes e acompanhantes.
O JAM é uma competição anual entre delegações da OAB-MG. Neste ano será a 18ª edição. O evento é realizado pela Caixa de Assistência dos Advogados de Minas Gerais (CAA-MG), em parceria com a Ordem dos Advogados do Brasil no Estado.
Pela primeira vez o evento deixa a capital e vai para o interior. Neste ano, são quatro etapas acontecendo em cada uma das regiões de Minas. Estarão em Uberlândia atletas advogados de 11 subseções (delegações) de 13 cidades mineiras, a saber: Araguari, Araxá, Campos Altos, Conceição das Alagoas, Paracatu, Januária, Patos de Minas, Brasília de Minas, São João da Ponte, São Francisco, Montes Claros, Uberaba e Uberlândia. (No caso de Brasília de Minas, São João da Ponte e São Francisco, eles se uniram numa só delegação).

O evento
Durante os quatro dias, toda a estrutura do Clube Caça e Pesca estará por conta da realização do JAM 2019. Nesse período, qualquer advogado associado à OAB poderá adentrar no clube gratuitamente para acompanhar o evento, bastando apresentar sua carteira da OAB. Isso vale para advogados e estagiários. Em Uberlândia são cerca de seis mil advogados e estagiários inscritos na 33ª Subseção. Os jogos vão acontecer principalmente no ginásio, quadras de peteca e campos de futebol. Serão aproximadamente 70 jogos, sendo a maioria no ginásio.

Modalidades
- Futebol aberto masculino (de campo)
- Futebol de sete (society)
- Futebol máster masculino
- Vôlei masculino
- Vôlei feminino
- Handebol masculino
- Handebol feminino
- Futsal masculino
- Futsal feminino
- Peteca masculino
- Peteca feminino

Mais informações

Pão de Açúcar Amplia Linha de Panetones de Fabricação Própria


As lojas do Pão de Açúcar já estão no clima das festas de fim de ano, e os deliciosos panetones de fabricação própria lotam as gôndolas das redes. Para este ano, novos sabores prometem conquistar os clientes das duas bandeiras.
No Pão de Açúcar, os clientes poderão saborear: Panetone de Red Velvet, uma releitura do célebre bolo de massa avermelhada, por R$ 29,90 a unidade de 500g, Grãos com Frutas Secas e Granola, que custa R$ 29,90 a unidade de 500 g, e o de Brigadeiro, por R$ 29,90 a unidade de 700g.

Bolos e sobremesas – As delícias não ficam restritas às que têm clima natalino. Os clientes também encontram sobremesas de dar água na boca produzidas na Padaria das lojas, como bolos e tortas, ideais para complementar um almoço ou jantar especial com amigos e familiares. O Pão de Açúcar traz receitas deliciosas como Cheese Cake Red Velvet com Frutas Vermelhas (100g por R$ 5,99), Bolo Brigadeiro de Amêndoa e Ninho (100g por R$ 5,99), Bolo Baba de Moça com Frutas Secas (100g por R$ 6,99) e Cuca de Banana (100g por R$ 2,99).

Mais informações

II Seminário de Direitos Culturais será realizado nesta semana em Uberlândia-MG


Profissionais de todo o país se encontrarão no evento que tem como temática: “Patrimônio, Cidadania e Culturalidades”.
Profissionais e estudantes das áreas do direito, cultura e empreendedorismo terão a oportunidade de debater sobre cultura e direito, nesta semana, em Uberlândia-MG. A cidade sediará o II Seminário de Direitos Culturais promovido pela Ordem dos Advogados do Brasil, 13ª Subseção – OAB Uberlândia em parceria com a Universidade Federal de Uberlândia – UFU, com o incentivo do PMIC – Programa Municipal de Incentivo à Cultura de Uberlândia, entre os dias 18 e 22 de novembro.
Várias palestras, mesas redondas, conferências, relatos de experiências, entre outras atividades fazem parte da programação, que reunirá profissionais de vários estados do país, renomados e considerados referências nas áreas dos direitos culturais.
Com a temática “Patrimônio, Cidadania e Culturalidades”, a segunda edição do Seminário, que conta este ano com o patrocínio das empresas Martins e Eficaz por meio da renúncia fiscal, tem como objetivo fomentar a discussão, o compartilhamento de ideias e a promoção da difusão dos direitos culturais, além de incentivar o estudo, a pesquisa e a análise crítica acerca dos direitos culturais.
Segundo a presidente da Comissão de Cultura da OAB e proponente do Projeto no PMIC, Katia Bizinotto, “a aprovação do projeto no PMIC para a busca de patrocinadores foi fundamental para viabilizar a segunda edição desse evento tão importante e necessário para dar continuidade às discussões, debates, pesquisas que dizem respeito à área de interseção entre a cultura e o direito, iniciado em 2017 com a primeira edição”.

Inscrições
As inscrições estão abertas e podem ser feitas no site:  https://www.even3.com.br/iiseminariodireitosculturaisuberlandia/, gratuitamente.

Produção e coordenação
Sob a coordenação geral de Katia Bizinotto (OAB) e Alexandre Molina (UFU), a curadoria do evento conta também com outros dois profissionais da cidade na curadoria do evento, o produtor cultural Rubem dos Reis e o arquiteto Ariel Lazzarin, que também é um dos Conselheiros do COMPHAC – Conselho Municipal de Patrimônio Histórico, Artístico e Cultural de Uberlândia.
Essa é a segunda edição do Seminário. A primeira edição foi realizada em 2017, com a temática “O que são direitos culturais?” que foi um sucesso e nos motivou enriquecer ainda mais a agenda de atividades do evento. Para este ano, nós preparamos uma programação riquíssima, com subtemas muito importantes para serem discutidos e trazendo convidados e temas riquíssimos tanto para a área da cultura como do direito. A nossa expectativa é a melhor possível”, comenta a coordenadora, Katia Bizinotto.

Programação
O evento será realizado em vários locais. A maior parte da programação acontecerá nos auditórios do Campus Santa Mônica da Universidade Federal de Uberlândia – UFU e também no auditório da OAB. Haverá também visitas técnicas a outros espaços como o Centro de Tecelagem e a Igreja do Divino Espírito Santo do Cerrado, projetado pela arquiteta Lina Bo Bardi, que serão monitoradas por arquitetos da cidade.
Entre os destaques da programação, está a Conferência Magna, na abertura do evento, no auditório 5R – A e B da UFU, com o tema: “Colaboração da comunidade na promoção e proteção do patrimônio cultural brasileiro”, conduzida pelo professor dos programas de mestrado, doutorado e graduação em Direito da Universidade Federal de Fortaleza – Unifor, Humberto Cunha Filho, que aproveitará a oportunidade para lançar o livro de sua autoria: "Teoria dos direitos culturais: fundamentos e finalidades”.
Humberto Cunha Filho disse que a expectativa dele em relação ao evento é a melhor possível. “O Seminário é um espaço privilegiado para discutirmos os direitos culturais, com capacidade de congregar nomes influentes sobre a temática. Fui convidado para falar a respeito da colaboração da comunidade na proteção do patrimônio cultural brasileiro e, com base nas teorias desenvolvidas no meu livro, por meio das quais identificamos princípios, metodologias e reflexos, discutiremos sobre tema. Segundo a constituição, a comunidade é colaboradora, indispensável nas tarefas de promover a preservação do patrimônio cultural”, comenta.
A apresentação dos trabalhos dos Comitês Temáticos (CTs), no dia 19, nos auditórios 5O C, D, E e F da UFU, também terá um peso significativo no Seminário. Será um espaço de troca, aberto à apresentação de trabalhos científicos e artísticos. “Os Comitês se constituem como uma oportunidade para os participantes compartilharem ensaios (estudos conceituais), pesquisas em andamento ou concluídas, relatos de experiência e também trabalhos artísticos”, reforça o Diretor de Cultura da UFU e também coordenador do Seminário, Alexandre Molina.
O evento também terá a participação do escritor e ambientalista, Ailton Krenak, conhecido como uma das maiores lideranças do movimento indígena brasileiro, e reconhecido internacionalmente. Ele participará da Mesa Redonda: Patrimônio Cultural e Cidadania, no dia 19, e lançará o livro: “Ideias para adiar o fim do mundo".
“Ainda dentro da programação, nós preparamos também uma cerimônia para a entrega da comenda Luís Gama, no dia 20, na sede da OAB, ao Dr. Adão Alcides Bernardes, em reconhecimento aos relevantes serviços prestados à advocacia e à sociedade em prol da promoção da igualdade. Além disso, teremos também show do Quinteto do Samba, que dará um colorido especial ao nosso evento”, comenta o produtor e um dos curadores do evento, Rubem dos Reis.
A programação completa do II Seminário de Direitos Culturais pode ser conferida no site: https://www.even3.com.br/iiseminariodireitosculturaisuberlandia/.

Serviço:
O quê: II Seminário de Direitos Culturais
Onde: Uberlândia-MG
Quando: 18 a 22 de novembro de 2019.

Mais informações
Página inicial